skip to Main Content
Repasses, Quanto Cada Marketplace Cobra Para Vender Seus Produtos?

Repasses, quanto cada marketplace cobra para vender seus produtos?

Uma dúvida frequente entre vendedores e interessados em começar a vender em marketplaces é em relação aos repasses. 

Nesse artigo vamos explicar como cada marketplace trabalha com sua própria política e prazo para que seja repassado o valor das vendas, os quais variam entre repasses que chegam a demorar um mês para serem realizados até marketplaces que realizam seus repasses instantâneamente. 

 É importante ter conhecimento sobre como esses repasses são feitos no marketplace em que você vende ou tem interesse em vender, esse conhecimento irá te ajudar a ter um maior controle sobre seus gastos, planejamento de recebimento, fluxo de caixa e compras. 

Listamos como funcionam os repasses nos principais marketplaces disponíveis no mercado

 

Mercado Livre 

Mercado livre é um canal de venda que cobra comissões de acordo com o anuncio do produto.

As comissões vigentes nesse canal são diferenciadas por 2 tipos de anúncios: Clássico e Premium. 

Na comissão clássica é cobrado 11% do valor da compra e a comissão Premium é 16% do valor da compra. 

Quando o vendedor utiliza Mercado Envios, existe uma regra de repasses que cobra R$5,00 por unidade da venda. Em letras miúdas, todo produto que tiver o valor de venda menor que R$119,99, é cobrado R$5,00 por item vendido.

Caso o vendedor faça uma venda de 5 unidades de um produto de R$50,00 cada, será cobrado dele R$25,00 reais de acréscimo do frete mais a comissão do produto.

Se o produto for acima de R$120,00 não existe a cobrança dessa tarifa. Quando o vendedor não utiliza Mercado Envios não existe essa cobrança. 

No Mercado Livre não existe rotina para o repasse, é possível realizar retiradas de dinheiro sempre que o vendedor quiser. 

 

B2W 

Na B2W as retiradas de dinheiro são realizadas quinzenalmente, especificamente dias 01 e 15 de cada mês.  

As comissões da B2W são cobradas por faturamento do cliente, conforme aumenta o faturamento da conta menor o valor da porcentagem da comissão.

A taxa de comissionamento sempre gira em torno de 16% e diminui conforme o volume de venda do seller.

 

  • Comissão por vendas de R$ 0,00 a R$ 20,000 por mês é de 16% sobre o valor do produto
  • Comissão por vendas de R$ 20,000 a R$ 100,000 por mês é de 15% sobre o valor do produto
  • Comissão por vendas de R$ 100,000 a R$ 300,000 por mês é de 14,5% sobre o valor do produto
  • Comissão por vendas de R$ 300,000 a R$ 500,000 por mês é de 13,25% sobre o valor do produto
  • Comissão por vendas de R$ 500,000 a R$ 1,000,000 por mês é de 12,75% sobre o valor do produto
  • Comissão por vendas de R$ 1,000,000 a R$ 2,500,000 por mês é de 12,25% sobre o valor do produto
  • Comissão por vendas de R$ 2,500,000 a R$ 1,000,000,000 por mês é de 11,75% sobre o valor do produto

 

 

Netshoes

Na Netshoes os repasses são realizados duas vezes ao mês, sempre nos dias 05 e dia 20 de cada mês.  

O comissionamento da Netshoes é cobrado por categorias de produtos, podendo chegar a 20% do valor total. 

 

Via Varejo 

A Via Varejo divide seus repasses duas vezes, dias 10 e 20 de cada mês.

A cobrança de comissionamento desse canal de venda é realizada por categorias de vendas. A taxa de comissionamento gira em torno de 16%. 

 

Amazon 

A Amazon faz o pagamento das suas comissões por categorias de produtos. As categorias são fixas e estão disponíveis no site da Amazon.

As comissões podem variar de 11% a 15%. 

É cobrado uma tarifa de manutenção de conta de R$19,00 por mês. 

Os repasses são feitos quinzenalmente. 

 

Magazine Luiza 

Os repasses na Magazine Luiza podem ser feitos 1 vez ao mês ou todas as sextas-feiras.

Os pedidos passam exclusivamente pelo Hub Integra Commerce e é no Hub que ficam disponibilizadas as planilhas de repasse para conciliação.  

As comissões são por categorias de produtos, podendo variar para cada seller e nicho de produtos. 

 

Conclusão 

 Através desse artigo é possível entender a importância de conhecer as regras e valores de comissionamento praticados por cada marketplace afim de identificar qual se adequa mais com seu e-commerce.

 

Espero ter ajudado e tornado esse assunto complexo um pouco mais simples para você.

 

Sobre a autora

Denise Souza é estudante de Administração na UEM e faz parte da equipe de Implantação e Suporte do Koncilia.

Back To Top